Pages

quinta-feira, maio 27, 2010

Exercícios de Física- Calorimetria- 2ª ano- Data: 08/06/2010

O valor dessa atividade será de 1,0 ponto


1)É preciso abaixar de 3 ºC a temperatura da água do caldeirão, para que a nossa amiga possa tomar banho confortavelmente. Para que isso aconteça, quanto calor deve ser retirado da água? A banheira contém 104g de água e o calor específico da água é 1 cal/gºC



a) 20 kcal b)10 kcal c)50 kcal d) 30 kcal
e)precisa-se da temperatura inicial da água para determinar a resposta.


2)O calor específico de certa areia seca vale 0,20 cal/gºC. Com essa informação, determine:

a)o recebimento de calor para que 20g dessa areia sofram elevação de 10ºC

b)a quantidade de calor liberada ao sofrer abaixamento de 2oC em sua temperatura

3)Um corpo de massa 2kg é constituído por uma substância cujo calor específico vale 0,4 cal/g.ºC. Determine a quantidade de calor que este corpo deve receber para aumentar a sua temperatura de 5ºC para 35ºC dando a resposta em quilocalorias.

4)Um bloco cujo calor específico é igual a 0,5 cal/g.ºC e massa 1 kg sofre uma variação de temperatura de 100K. Determine a quantidade de calor por ele recebida em quilocalorias.

5)Um objeto de massa 100g recebe 91 cal de energia e sua temperatura sobre de 20oC para 30ºC. Qual o calor específico da substância que o constitui? Qual é essa substância?

6)Um corpo absorveu 500cal para aumentar sua temperatura de 20ºC para 40 ºC. Determine a capacidade térmica do corpo.

7)Para provocar o acréscimo de 30ºC na temperatura de 100g de uma substância são necessárias 600 cal. Determine o calor específico dessa substância.

8)Dois blocos de ferro, um de massa 20 g e outro de massa 40 g, são aquecidos, passando ambos de 20°C para 50°C.
Considere desprezíveis as perdas de energia interna para o ambiente. Sabe-se que o calor específico de um corpo é dado pela expressão :
Assinale a alternativa correta:

A - ( ) O bloco de massa 40 g tem maior capacidade térmica do que o de 20 g.
B - ( ) O calor específico do bloco de 20 g é maior, pois sua massa é menor.

C - ( ) A quantidade de calor recebida pelos dois blocos foi igual.

D - ( ) As três alternativas anteriores são falsas.

9) Uma panela de ferro, de massa 1,0 kg, vazia, tem sua temperatura elevada de 50 ºC quando colocada na chama de um fogão durante determinado tempo.

a)determine a quantidade de calor absorvida por essa panela em joules e em calorias.

DADOS : calores específicos

Ferro:cf =460 J/kg.ºC ou cf =0,11 cal/g.ºC ;

10) Um calorímetro sofre uma variação de temperatura de 20ºC quando absorve uma quantidade de calor de 100J

a)Qual a sua capacidade térmica?

b) Qual a quantidade de calor necessária para elevar a temperatura desse calorímetro em 50ºC?

11)Um calorímetro sofre uma variação de temperatura de 40K quando absorve a quantidade de calor de 600J. Determine

a)a capacidade calorífica desse calorímetro;
b)a quantidade de calor necessária para elevar de 60ºC a temperatura desse calorímetro

12)Um bloco de madeira, de massa 0,40 kg, sofre um acréscimo de 25 ºC em sua temperatura quando absorve 1800J de calor. Qual o calor específico dessa espécie de madeira?

sábado, maio 22, 2010

Nota dos trabalhos.

Colocarei as notas dos trabalhos aqui somente hoje a noite, pois tenho aula o dia todo...Eu também estudo assim como vocês!!!


quinta-feira, maio 20, 2010

Modelos Atômicos- Química 1º ano

Resumo dos modelos atômicos- Créditos do Prof Toid

quarta-feira, maio 12, 2010

A alegria de ensinar

Então Jesus levou seus discípulos ao monte e, reunindo-os ao seu redor, Ele os ensinou dizendo:
Abençoados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus.
Abençoados os humildes.
Abençoados aqueles que estão de luto.
Abençoados os misericordiosos.
Abençoados aqueles que têm sede de justiça.
Abençoados os sofredores.
Alegrai-vos e regozijai-vos, pois sua recompensa será o grande céu.
Então, Simão Pedro disse: “Nós devemos saber disso?”
E André disse: “Nós temos que anotar isso?”
E James disse: “Nós teremos um teste sobre isso?”
E Felipe disse: “Eu não tenho papel.”
E Bartolomeu disse: “Nós temos que entregar isso?”
E João disse: “Os outros discípulos não têm que aprender isso?”
E Mateus disse: “Posso ir ao toalete?”
Então, um dos fariseus que estava presente pediu para ver o plano de aula de Jesus e perguntou a Ele: “Onde está seu plano de semestre antecipado e seus objetivos no domínio cognitivo?”
E Jesus chorou
(ROGERS, Bill. Gestão de relacionamento em sala de aula. Tradução: Gisele Klein. 2º Edição. Porto Alegre: Artmed, 2008, p.46)

terça-feira, maio 11, 2010

Dieta Dr Atkins- Pesquisa de Física- 2 anos


A dieta do Dr. Atkins ganhou muita popularidade e causou muita polêmica no final dos anos 90. A teoria proposta pelo Dr. Atkins é que, a principal fonte de energia para o corpo são os carboidratos. Reduzindo a ingestão de carboidratos, o corpo precisa procurar outra fonte de energia, e no caso, o corpo queimaria gordura, processo conhecido por cetose. O Dr. Atkins também afirma que os carboidratos favorecem a produção de insulina e ela seria responsável em converter o excesso de carboidratos em gordura.
Qual a quantidade de carboidratos ingerida numa dieta normal?
Os níveis normais de carboidratos em uma dieta normal é de aproximadamente 200 gramas por dia
O programa da dieta do Dr. Atkins possui 4 fases:
Indução
Dura em torno de 2 semanas e tem o objetivo de forçar o corpo a entrar no processo de cetose rapidamente, limitando o consumo de carboidratos a 20 gramas por dia. Nessa fase é onde ocorre a maior perda de peso (3 a 4 kg). Nessa fase estão liberados carnes, queijos e outros produtos ricos em gordura enquanto apenas os vegetais com baixo teor de carboidratos são permitidos, como brócolis, tomate e alface, mesmo assim limitados a 3 porções pequenas por dia.
Perda de Peso Contínua
Nessa fase, a ingestão de carboidratos pode ser aumentada em 5 gramas por dia e dura até que o peso esteja em torno de 5 kg acima do desejado. O objetivo dessa fase é determinar qual a quantidade de carboidratos máxima que faz com que você perca peso.
Pré Manutenção
A ingestão de carboidratos é aumentada até que se determine a quantidade que faça com que a pessoa não ganhe peso.
Manutenção
Fase que incentiva a pessoa a manter os hábitos alimentares das fases anteriores e dura pelo resto da vida, com possibilidade de voltar às fases anteriores caso necessário

domingo, maio 09, 2010

Segunda Feira

terça-feira, maio 04, 2010

Comunicado



Quinta Feira estarei de volta!!!!